A Instituição

LIVRARIAS CURITIBA FAZ PARCERIA COM HOSPITAL EVANGÉLICO

 
 
 

Livrarias Curitiba faz parceria com Hospital Evangélico.

 

Livros serão doados pela empresa para formar nova biblioteca; Pacientes infantis serão beneficiados

Uma das maiores redes de livrarias do Sul do país fez uma parceria com o Hospital Universitário Evangélico de Curitiba (HUEC). A Livrarias Curitiba confirmou a doação de 350 livros com obras para o público infanto-juvenil (até 15 anos).

A entrega das obras é uma das etapas de um projeto maior da Livrarias Curitiba. A ação será realizada ao longo deste ano e visa formar uma nova biblioteca no HUEC, com a doação de mais livros destinados a pacientes e familiares que tiverem de permanecer por mais tempo em tratamento dentro do hospital.

Além dos livros, o grupo paranaense também vai doar prateleiras para colocar todas as obras e material de papelaria, como lápis de cor. Muitos livros vêm com atividades que despertam o lado lúdico e criativo da criança. Todos os livros doados pela empresa são novos e fazem parte do acervo que está à venda atualmente nas 29 lojas da rede, que ficam no Paraná, Santa Catarina e São Paulo.

“O fundador, o meu pai Valentim Pedri, sempre viu como valores da empresa acreditar na difusão do conhecimento para construir uma sociedade melhor. Procuramos fazer isso por meio da distribuição de parte de nosso lucro em prol da comunidade”, afirmou o diretor comercial Marcos Pedri.

O administrador judicial do HUEC, Ladislau Zavadil Neto, declarou que gestos como os da Livrarias Curitiba são essenciais para garantir a qualidade do atendimento a pacientes e familiares que precisam permanecer por mais tempo no hospital. “Muitos pacientes e familiares esperam passar o tempo aqui no hospital envolvidos em atividades que os ajudem, inclusive, na recuperação da saúde. A decisão da Livrarias Curitiba de fazer essa parceria com o Hospital Evangélico vai de encontro aos anseios dos pacientes e familiares para tornar a estadia deles a melhor possível”, disse o administrador judicial.